Imperfeição

Imperfection

Estive pensando sobre o que escrever com relação à Imperfeição e a coisa mais forte que me veio à mente foi quando Jesus começou a escolher os doze discípulos ou aprendizes, aqueles que ficaram encarregados de levar a palavra através de suas vidas à Jerusalém, Judeia e Samaria. Infelizmente vemos por toda parte movimentos cristãos que insistem em demonstrar, não no viver diário, mas um evangelho nominal e ineficaz não refletindo assim a glória de Deus (Col 1:27) . É interessante pensar no método de escolha que Jesus usou para com os discípulos, ele foi atrás de pessoas marginalizadas, pessoas imperfeitas, para que o seu poder se aperfeiçoasse na fraqueza destas pessoas e seu nome fosse glorificado (II Cor. 1:9).

Somos todos pessoas imperfeitas, com características distintas que precisam de um “toque do criador” para se relacionar bem e viver em harmonia.
A idéia do quebra cabeças para nós diz muito. Pois somos um corpo; cada qual com suas diferênças vivendo a diversidade da criação através da comunhão do Espírito Santo. (IICor 13:14)

3 comentários em “Imperfeição”

  1. Pr. Murilo Estevam

    Fiquei surpreso e feliz ao conhecer o site!

    Muito bom. Que o Senhor use a vida de todos vocês para alcançar aqueles que Ele deseja salvar, através desta iniciativa.

    Deus não abençoa planos, ele abençoa pessoas. Ele está mais interessado na nossa disponibilidade, do que em nossa habilidade.

    “Quando percebo que Deus usou uma mula, percebo que Ele pode usar qualquer meio. Quando Ele quer falar, Ele vai falar, não importa os meios” (W.A. Tozer)

    Quando li a frase acima pela primeira vez, fiquei chocado, mas hoje compreendo perfeitamente o que ela quer dizer.

    SUCESSO…

    Pr. Murilo Estevam

  2. Pr. Murilo meu querido para mim é uma honra tê-lo aqui em nosso site. Obrigado por gastar o seu tempo lendo e deixando este comentário, pois para nós é muito importante. Creio que temos muito em comum e penso da mesma forma que você, Deus não abençoa planos, Deus abençoa pessoas. Se o que fazemos ou cremos não demonstra amor a Deus e ao próximo isto se torna inútil.
    Para mim foi um prazer muito grande re-encontra-lo depois de tantos anos.
    Precisando de nós estamos aqui para o servir.
    Abraços,
    Pr. Carlos Rizzon

  3. EDUARDO CALIL HALLACK _

    Estava hoje em um grupo de arteterapia dando uma tarefa de realizar marcadores de livros,para uma possível venda e valorização do trabalho desse grupo,pelos olhos de quem espera a perfeição tudo é ruim,pois o produto gera insegurança:será que o outro vai querer o que eu realizei?Queria deixar essa reflexão,para compartilhar o que percebo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.